sexta-feira, 14 de maio de 2010

O Leão necessita de um bom marqueteiro!

O Fortaleza Esporte Clube está precisando de um marqueteiro que possua talento, tempo e disposição para lançar ações e projetos que possam estimular a torcida. Sabemos que ela ainda está bastante magoada com o rebaixamento para a terceira divisão do Brasileirão, tanto que nem a conquista do sonhado tetracampeonato cearense foi suficiente para resgatar totalmente a sua auto-estima. Mas esse quadro pode ser revertido exatamente em cima do tetra.

A torcida tricolor já provou que é grande, mas é também muito exigente, não se ilude tão facilmente como outras que existem por aí. Por isso, tem que ser estimulada para aparecer. Tomo como exemplo aquele público de mais 60 mil pessoas no Castelão, no final de 2002, contra o Criciúma, quando o Leão sacramentou seu acesso para a primeira divisão do Brasileirão. Isso aconteceu, numa menor escala, em outras memoráveis partidas, como as finais do campeonato cearense contra o Icasa em 2007 e 2008.

Só para reforçar estes argumentos, vejamos o caso do Ceará. Quando ele ganha um campeonato, seus diretores ocupam todos os espaços possíveis na mídia para festejar. Promovem inúmeras carreatas, lançam camisas e outros brindes alusivos, forçam homenagens especiais na Câmara Municipal e na Assembléia Legislativa, são recebidos pelo governador e, se duvidarem, vão até ao presidente da República. E o Fortaleza, está fazendo o quê para comemorar devidamente essa conquista histórica que também pode levar ao pentacampeonato em 2011?

Alô, diretoria! Vamos conclamar a torcida para ajudar através de ações e projetos competentes. Para os jogadores não ficarem parados nos próximos dias, e o clube arrecadar uma grana a mais, que tal promover amistosos em cidades como Crateús, Iguatu, Tianguá, Russas, Aracati, Canindé, Camocim, Paracuru, Quixeramobim, dentre outras que reúnem um grande número de tricolores? Alguma iniciativa tem que ser tomada, pois, do contrário, com esse marasmo em que se encontra, o Leão do Pici continuará fragilizado financeiramente e correrá sérios riscos nas competições que se avizinham, notadamente o Nordestão e a Série C do Brasileirão.

3 comentários:

José Fontaine disse...

Concordo plenamente contigo Juracy. Eu mesmo, antes do nosso tão sonhado TETRA, já havia enviado
através do site do Leão, e da TUF, sugestões a respeito disso, mas referente ao sócio torcedor, como
espalhar na cidade, postos nas praças, e nos mais diversos bairros da capital, hiper populosos, como
Conjunto Ceará, Cidade 2000, José Walter, e tantos outros, e às cidades vizinhas, Caucaia, Horizonte,
Aquiraz, Iguape, Pecém, dentre outras, equipes para divulgação e venda dos títulos de sócio torcedor.
Acontece meu caro, que o pessoal lá não deu a mínima! Taí a prova! Time Tetra Campeão, mas sem
dinheiro em caixa, para renovação de contratos de alguns atletas que julgo indispensáveis, como o
Euzébio, que o rival tem interêsse, Rinaldo, nosso grande artilheiro, e claro, o nosso Treinador,
dentre outros, bem como, realizar algumas contratações que o time por certo precisará,
para enfrentar as duas competições que se avizinham, em especial, a Série C, onde a meta deve, ou pelo menos,
deveria ser, retornar à Série B, sagrando-se campeão da mesma. Se o Renan continuar sózinho, pode crer que o nosso título inédito,
cairá no esquecimento, o que será profundamente lamentável!
Estou com você nessa campanha! Quisera ser um homem "abastardo", bem financeiramente, para ajudar o meu clube de paixão, mas
infelizmente, a minha ajuda já se faz presente, indo a todos os jogos do Leão, e sendo sócio torcedor, além d eoutras doações que
faço, independentemente.
Um abraço, e vamos à luta, para o soerguimento do alto astral da MAIOR TORCIDA DO ESTADO E UMA DAS MAIORES DO NORDESTE!!!

Verônica Diogo disse...

Pois é, caro primo Juracy Mendonça.
Fiquem sempre se espelhando no Ceará que, quem sabe, resgatam a auto-estima dos torcedores sofridos, porém corajosos (por continuarem confiando que um dia o Fortaleza será “alguma coisa”).
Diga aos torcedores do Fortaleza que cada momento é para ser vivido intensamente. As vitórias comemoradas e analisadas, assim como as derrotas para que sejam corrigidos os erros e melhorados os acertos.
Um dia, quem sabe, vocês voltem a sorrir.
Abraços!

Geraldo disse...

Chooooora!!!!
Meu amigo Jura. Sempre leio seu blog, pois tem muitos artigos interessantes e também por nossa amizade. Espero um dia encontrar um pouco de imparcialidade com relação ao meu Vozão apesar de você ser tricolor. Até esse dia chegar eu continuarei esperando, lendo seus artigos.

Um grande abraço.


Obs: A torcida do Ceará não é iludida. Ela é realista, afinal ela está na primeira divisão e vemos uma diretoria trabalhando em estruturar o clube para se tornar um dia quem sabe, uma grande força no Brasil. Apesar da perda nos pênaltis do título cearense, acredito muito a longo prazo.